34 thoughts on “ENQUETE ENCERRADA: Qual o melhor game de luta? 2º Combate da 2ª Fase!

  • 13/09/2011 at 3:19 pm
    Permalink

    Meu voto vai para KOF 98. Não acho o melhor jogo da franquia, mas perto de Mortal Kombat II, ele é bem mais competitivo, mesmo com vários bugs (aliás, a série KOF coleciona bugs).

    Se por um lado temos esses problemas na jogabilidade, não podemos reclamar do design dos personagens, trilha sonora e cenários. SNK em sua melhor fase.

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 13/09/2011 at 7:28 pm
    Permalink

    Eu Votei em King Of Fighters 98 por isso…
    A Beleza dos Stages,a íncrível soundtrack,a reunião dos personagens mais legais da SNK,de outros jogos em num único jogo,o design da roupa,movimentação e fala(mesmo que em japonês) dos personagens,a gostosissima personagem May Shuranui…enfim KOF é muito superior à MK II,e olha que eu gosto de MK II,porque é um grande jogo claro,mas KOF está em outro nível…no mesmo nível sagrado que repousa Street Fighter II.

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 13/09/2011 at 8:11 pm
    Permalink

    pow mano vamo MKII tem q ganha (se fosse KOF 97 eu tinha votado pq curto demais os cara possuido o orochi e tudo +) mas MKII foi muito marcante quem num se lembra do famoso fatality do ´´telefone´´ do jax?????

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 13/09/2011 at 8:35 pm
    Permalink

    NOTA DE ESCLARECIMENTO

    Curitiba,13 de Setembro de 2011.

    Prezados Senhores:
    Gagá(presidente soberano)
    André Breder(ministro oldgamer)

    Venho por meio desta mensagem pedir desculpas a toda comunidade retrô pelo “negrito infinitum” causado no meu e em todos os post subsequentes,acredito ser alguma “cagada” 🙂 minha e não do sistema do Blog,porque é a segunda vez que isso ocorre e justamente no meu comment.Certo disto,todas as medidas,nas diversas esferas de ação já foram tomadas para que este evento não se repita em uma nova postagem.
    Nada mais havendo,reafirmamos os nossos protestos de elevada estima e consideração. 🙂
    Atenciosamente,

    Dactar (Retrogamer)

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 13/09/2011 at 8:59 pm
    Permalink

    @Dactar

    Uuhauhauhaua… que isso cara, nem precisava pedir desculpas. Mas já arrumei as coisas: pelo visto existe mesmo um probleminha no blog, caso alguém poste um comentário com palavras em negrito, todos os demais comentários ficam de maneira automática, em negrito também.

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 13/09/2011 at 9:42 pm
    Permalink

    “Theeee Kiiiiing of Fighteeers!”
    Eu voto no KOF com gosto!
    A única série que ameaçou de fato o reinado de Street Fighter 2, onde a SNK elevou o nível dos jogos de luta 2D e que encontrou, na edição 98, o seu apogeu… e fez a Capcom se mexer ou perderia a vez.
    Mortal Kombat surgiu como uma novidade bacana, com gráficos digitalizados cristalinos de lutadores reais [Pit Fighter é um lixo!], sons matadores e a violência… é só. Todos os personagens tem os mesmo golpes!
    Aí, a Midway faz mais do mesmo com o MK 2 e a decadência da série teve inicio junto com as “Babalidades”. Ultimate MK3 e Trilogy [do Nintendo 64] melhoraram a franquia novamente só que, a partir daí, acabou! Só agora em 2011 criaram vergonha na cara com um novo jogo de volta as origens.
    Com o KOF não! A série só morreu junto com a antiga SNK. Esta primava pela jogabilidade e mecânica de jogo onde os combos precisavam ser feitos com maestria sem os famosos “Button Smashers”… KOF sempre foi “jogo pra macho”! Aqueles saídos do Street Fighter e similares também jogavam numa boa. Aqui onde moro, durante os contras no flíper, costumávamos dizer que fulano jogava em “Estilo Street” ou “Estilo The King” e a pancadaria rolava solta na placa MVS da SNK! Rss!
    Por fim, uma sugestão:
    Depois desta, que tal uma disputa entre jogos toscos de luta? Qual é o mais tranqueira entre todos os Fighting Games? Rss!
    Até mais!

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 14/09/2011 at 11:42 am
    Permalink

    para duríssima… dificílimo escolher entre 1 desses 2… mas MK2 eu dixavei todos os fatalities (e ainda lembro da maioria)… the king of fighters eu comecei a jogar um pouco mais tarde, mas tb achei mooooito bom….. aqui tá 51% a 49%, mas como tem q escolher 1, escolho MK2…

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 14/09/2011 at 12:40 pm
    Permalink

    @Douglas Deiró
    Caramba, você falou coisas que sempre pensei mas não lembrei de comentar aqui.

    O grande trunfo da série KOF é justamente ter personagens únicos. Até personagens “clonados” são bem diferentes no timing e alcance dos golpes, como no caso o Kyo/Iori (que hoje estão bem diferentes), Ryo/Robert (são estão bem diferentes), e até os clones do Kyo propriamente ditos.

    Cada personagem tem um feeling difente e único. As fireballs abrem muita brecha para contra-ataque e poucas possuem grande alcance.

    Já os MK e SF possuem personagens exatamente iguais, com projéteis rápidos que atravessam a tela. Em SF quase todos possuem golpes similares (projétil, anti-aréreo, multi-hit), com os mesmos timings.

    Em MK parece que todos os personagens são somente skins de um mesmo lutador, pois não há nenhuma diferença nos golpes básicos, mas somente nas magias. Isso sem falar nos clones dos ninjas de MK que só nestas versões atuais ficaram diferentes.

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 14/09/2011 at 8:55 pm
    Permalink

    @Tonshinden
    Esse Bio Freaks, não conheço… mas, só o nome,dá para sentir o “tamanho da encrenca”.
    Eu sou “amaldiçoado” pelo Fighting Masters [FM], joguinho sem vergonha, mal feito e “todo torto” do Mega Drive. Eu sempre vítima dele, sempre me perseguiu por anos como um “stalker” de filmes clássicos de terror… uma praga mesmo.
    Só que, no caso de FM, confesso que sou “Mazoquista”… de tão ruim que é, eu gosto dele! Hahahahaha!
    Cheguei a escrever sobre isso em algum tópico meses atrás, mas não me lembro qual e quando.
    Me lembrei de outra tranqueira, o World Heroes… caaaalma! Me refiro à versão do Mega Drive. A Jane gritando algo como “Quero Banana” ao disparar seu projétil em forma de ave flamejante é tão bizonho que nunca mais saiu da minha cabeça. Rss!

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 14/09/2011 at 9:33 pm
    Permalink

    @Fernando Lorenzon
    Então…
    KOF sempre foi mais para quem sabe jogar, graças a gama de possibilidades de combos, principalmente, a partir da edição 96.
    Mesmo assim, aqueles não habituados com a mecânica da SNK, os acostumados a Street Fighter se similares, conseguiam jogar numa boa tanto com personagens tipo “Radouken/Shoryuken” [como Ryo, Robert, etc] como os típicos “The King” [como Iori, Clark, Yashiro, Goro, etc]. Os não habituados, logo pegavam a manha porque KOF chega a ser vérsátil a ponto de ter uma curva de aprendizado fácil… chega a ser intuitiva a “emenda de golpes”.
    Mortal Kombat sofre na comparação em outro aspecto também, que não citei antes por não ser tão importante no cômputo geral [a não ser que seja algo muito gritante], a qualidade de animação dos frames. É evidente a competência maior dos animadores japoneses em relação aos norte-americanos… nota-se fácil que os japas tem maior capricho em fazer personagens de games com muitos frames dando-lhes uma movimentação mais fluída e natural.
    Ed Boom, em entrevista durante a produção do novo MK [e acredito ter lido no site Omelete… não me recordo], disse que na época do jogo original da série, eles tinham a noção que não dava para competir com o knowhow dos japoneses quando o assunto é, justamente, a qualidade de aninação. Daí, a opção pela foto montagem e o fato de todos os personagens teremos os mesmos movimentos básicos. Já a violência foi a sacada que propriciou driblar essa limitação e, o resultado, é história… deu muito certo e saiu-se um ótimo game.
    Hoje, é mais fácil desenvolver animações, bastando colocar uma roupa de captura de movimentos em algum artista marcial e já era! O resto, são skins desenhadas em estúdio por algum “gordo qualquer” [antes que me xinguem, eu SOU GORDO também, ok? Rss!].
    Em suma, KOF [qualquer uma das versões] é muito mais jogo que o MK 2… assim como é melhor que todos os MKs com execessão deste novo, que ficou “du caralho” pois, pelo visto, tomaram vergonha na cara e trabalharam direito.
    Até mais!

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *