É muito louca essa vida de retroblogger… um dia, do nada, um camarada me mandou um email dizendo que queria me dar Starflight de Mega Drive de presente. No outro, um sujeito pergunta se quero ficar com o Nintendo DS dele. Agora o Samuel Leite, que é meu “amigo de Twitter”, decide me dar de presente o Sega Saturn dele!

Sim, meus caros amigos… o bichinho acaba de chegar aqui em casa, fiz até um vídeo tosquíssimo do unboxing para os interessados:

Vídeo tosco, mal editado e com som ruim. Coisas da vida.

O console veio com todos os cabos e com um controle, além de CINQUENTA E NOVE JOGOS! Tudo “alternativo”, claro, mas vai dizer que não é bacana abrir uma caixa e encontrar Panzer Dragoon, Shining Wisdom, Dragon Force, Radiant Silvergun e outras pérolas?

Obviamente, a chegada do Saturn aqui em casa significa que teremos muitos posts sobre o velho console da SEGA no Gagá Games, aguardem! E muitíssimo obrigado ao Samuel por este fantástico presente de aniversário!

Aproveitando o ensejo, vou contar para vocês…

A História do Saturn do Gagá

Sim, sim, eu já tive um Sega Saturn!

O Saturn saiu no Japão no finzinho de 1994, e nos seis meses que separaram o lançamento japa do lançamento nos Estados Unidos eu lembro de derramar litros de baba corrosiva sobre as revistas que falavam sobre os primeiros jogos. Na época tinha um programa de games na TV a cabo, o Cybernet, e ainda lembro do misto de loucura e desespero quando vi o vídeo de abertura do primeiro Panzer Dragoon…

O fato é que eu já vinha torrando o saco da minha mãe havia meses, e o dinheiro já tava engatilhado para comprar o bichinho. Uma tia dona de agência de turismo viajou em julho para a Disney e trouxe o Saturn para mim apenas dois meses após o lançamento oficial nos EUA. Naquela época a gente ainda estava acostumado a jogos em cartucho, o Super NES ainda era um console quentíssimo, e mesmo o SEGA CD tinha muito desenhinho e musiquinha bacana, mas pouca ação tridimensional.

Panzer Dragoon foi amor à primeira vista

Foi nesse contexto que cheguei em casa todo feliz com a caixa do console nas mãos… liguei o danado na TV… e ainda não tinha comprado o transcoder, então ficou em preto e branco por uns dois dias 🙂 mas dane-se: quando aqueles carros começaram a correr pela minha TV e mr. Takenobu Mitsuyoshi soltou aquele “Dayyyyttoooooonaaaaaaa!” eu tive aquela sensação maravilhosa de que ia ser feliz para sempre. Todo mundo aqui já sentiu isso ao comprar um console, né?

Começou ali uma linda paixão que certamente contribuiu para que eu fosse o último cara da escola a perder a virgindade. Eu joguei muito o meu Saturn… adorava o visual poderoso do console, quadradão, imponente. Sinto muita falta desses consoles que não davam a mínima para como você ia arranjar espaço para eles: se você compra uma Ferrari, que se dane se você vai ter que tirar todas as suas revistas de mulher pelada da garagem! Espaço a gente arruma!

Infelizmente a história não acabou lá muito bem. Um dia eu decidi vender o Saturn para comprar um Playstation (o original). Grana curta, vendi o Saturn (eu sei: burro, burro, burro!). Claro, o PSX era muito bom e não vou dizer que fui infeliz com ele, longe disso. Mas depois que vendi o Saturn, foi aos poucos batendo uma nostalgia… mas o estrago já estava feito.

Se você ainda não conhece Dragon Force… vai conhecer! Aguarde!

Para piorar, eu era um moleque bem inocente na época e fui tapeado pelo comprador, que me passou um “cheque voador”. E não insistam em me chamar de burro por ter aceitado o cheque, aguentar a burrice de trocar o Saturn pelo PSX já é difícil para mim 🙁

Seja como for, conheci muitos jogos bacanas no tempo que passei com o Saturn: Dragon Force, Astal, Panzer Dragoon, Shining Wisdom, Cyber Speedway… e deixei de conhecer muitos clássicos, como Radiant Silvergun, Guardian Heroes e tantos outros. Por isso este meu “reencontro” com o Saturn tem sabor de “continue”. Vou matar a saudade dos velhos clássicos e finalmente conhecer todos aqueles que eu perdi na época em que foram lançados.

Aguardem! Em breve retornarei de 1995 trazendo posts sobre grandes clássicos do glorioso passado da SEGA!

*Voltando aos quinze anos em 5… 4… 3…*

Festa no asilo: o Gagá ganhou um Sega Saturn!
Tags:     

61 ideias sobre “Festa no asilo: o Gagá ganhou um Sega Saturn!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *