O anúncio do Cybergame, novo console da Dynacom, causou uma grande comoção aqui no Gagá Games no mês passado. Poucos minutos após o post de anúncio, dezenas de comentários de nossos visitantes já haviam pipocado (passando da casa dos cem comentários), e todo mundo queria saber se o console-emulador da Dynacom que rodava jogos clássicos de NES, Mega Drive, Super Nintendo e outros consoles era mesmo tudo aquilo o que prometia ser.

Diante disso, mais uma vez eu entrei em contato com a Dynacom por meio de sua eficiente assessoria de imprensa, a Pimenta Comunicação. Meu pedido: um aparelho para testes. Em pouco tempo já estava tudo resolvido, e a Pimenta me retornava dizendo que eu receberia o console em alguns dias, cortesia da Dynacom.

O console chegou no fim de dezembro, e eu dei início a uma bateria de testes com o aparelho para ver se os emuladores eram bons mesmo. Esses testes foram devidamente registrados em vídeo, e meu amigo e mestre Eric Fraga, do Cosmic Effect, mui gentilmente se ofereceu para editar tudo, com o talentoso Andrey Santos criando a abertura e as vinhetinhas. O resultado você confere agora: Video Gagá Ep. 1 — Cybergame: presta ou não presta?

O vídeo foi filmado de uma TV LCD de 26 polegadas, com uma câmera sobre um tripé improvisado, e deve dar uma boa ideia de como o aparelho funciona. Mas para você que não tem paciência de assistir a vídeos, e também porque eu acho importante ter um registro escrito do desempenho do Cybergame, nos próximos dias teremos um post mais tradicional detalhando os resultados em texto.

Foi um prazer testar o Cybergame, fiquei inclusive bastante surpreso com o desempenho dele em diversas situações. Se você está pensando em comprar o bichinho, o vídeo acima (que exibe vários clássicos dos consoles emulados rodando no console) é obrigatório para que você decida se “vai ou não vai”.

Para fechar, eu gostaria de agradecer à Dynacom pela enorme consideração que teve ao nos ceder o aparelho para testes, e também à Pimenta Comunicação, que mais uma vez fez um ótimo trabalho intermediando nossa comunicação com a empresa.

Dúvidas? Comentários? Sintam-se à vontade para postar aí embaixo. Responderei o que eu puder, e talvez faça mais alguns testes que vocês sugerirem na minha análise por escrito. Enjoy the show!

ONDE COMPRAR: na loja virtual da Dynacom. E não, eu não ganho comissão, é só utilidade pública mesmo 🙂

Video Gagá ep. 1 — Cybergame: presta ou não presta?

217 thoughts on “Video Gagá ep. 1 — Cybergame: presta ou não presta?

  • 24/09/2011 at 7:39 pm
    Permalink

    Eu comprei e não me arrependo, claro que podia ser melhor, só rodar Golden Sun para GBA seria muito bom mas infelizmente ele não tem tanto poder de fogo.
    O video roda bem mas também depende da qualidade do video, do codec, do bitrate, do tipo de audio, aquelas coisas chatas de codec e encode que só os mais chatos entendem. Alguns ficam com atrasos monstrons de segundos entre o audio e a imagem exibida enquanto outros funcionam muito bem.
    Há duas situações chatas na funcão player:
    1 – Avançar e retroceder um video eh complicado, um toque mais rápido vai trocar o video para outro e um toque mais demorado vai avançar/retroceder algumas dezenas de minutos de filme. Então não ache que vai ser fácil voltar para aquele momento exato do filme para ver algo com mais detalhe pq vai ser muito dificil.
    2 – Não sei porque mas os videos são carregados automaticamente em modo aleatório, pulando do video 1 para o 8 e dai para o 4. Ainda nao consegui resolver e isso e nem sei se eh possivel, se nao forem videos sequenciais podem esquecer uma funcao de playlist.

    O maior vilão é o controle… Será que ninguém com entendimento de eletrônica e um bom senso de empreendedorismo não poderia fazer uns adaptadores simples para fazer funcionar outros controles no Cyber? Meus conhecimentos se resumem a tomar choque e olhe la, mas se como ja provaram os fios são ordenados diferente nesse controle, um adaptador seria o melhor “jeitinho brasiliano” para resolver esse impasse.

    Esqueçam usar os save game dos jogos, nao funciona e tem que usar a funcão do console, o Gaga falou disso no jogo, o chato eh errar o comando e ao invez de carregar, salvar o jogo, logo depois de um Game Over. OWNED.

    No final, o aparelho atende bem às necessidades. Não é assim uma Brastemp, mas nem a Brastemp de hoje em dia é.

    Post pequeno :p

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 14/10/2011 at 10:46 am
    Permalink

    Comprei um Cybergame hoje na Kabum por R$ 90,02 (com frete incluso). Gostaria de saber:
    1-Tem algum lugar que acho um lista com os jogos que rodam e os que não rodam nele?
    2-Pelo que já li o único modo de salvar é o “salve state”, quantos salves posso fazer por cada jogo?
    Valeu!

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 16/10/2011 at 5:37 am
    Permalink

    É só um save mesmo. No máximo o que pode ser feito é salvar o jogo, carregar o cartão SD no pc e copiar o arquivo do jogo salvo (ele tem o mesmo nome da rom e outra extensão que não lembro agora) e assim você tem uma cópia do save. Se apagar vai começar tudo de novo.
    Lista de jogos que rodam fica difícil dizer, depende do que você considera como um jogo que roda. Algumas roms funcionam com defeito no som, outras nos gráficos, é variável. As que são anunciadas na propaganda rodam bem, porém quanto maior for a tecnologia do jogo mais difícil vai ser essa emulação. Tenho rodado uns jogos de GBA bem legais nele, não é assim uma Brastemp mas quem lembra das geladeiras Continental vai ficar surpreso.

    E ainda esperando um adaptador pro controle. Vambora macacada! Mobilizem-se! :p

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 31/10/2011 at 4:21 pm
    Permalink

    vlw por me fazer não comprar esse emulador,ta muito parecido com o emulador do ps2,street fighter muito ruim,mortal kombat não roda bem e f-zero uma carniça…os emuladores no pc estão 10000000 vezes melhores,é melhor comprar um adptador pra controles de playstation e colocar no seu notebook.

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 17/11/2011 at 8:18 am
    Permalink

    Um “pequeno” texto sobre meu Cybergame que possuo desde o dia 08/11/11.

    O que gosto no Cybergame?
    Possibilidade de 2 Players! [Isso sentia falta no meu Dingoo da Dynacom]
    Controle remoto para assistir vídeos e explorar menus e arquivos.
    Vem com cartão de 4GB SD mais um adaptador que o transforma em um “PenDrive”!

    SNES
    Roda os jogos do SNES quase perfeito “sem lag”, a emulação é melhor do que a do PocketSnes do Dingoo.
    [O único contra é que ainda não roda as roms com chips especiais, tipo Star Fox]

    MEGA-DRIVE
    Igual ao do SNES, emulador muito bom.
    [O único contra é o som nos jogos do Sonic que estão meio distorcidos, mas não atrapalha em nada]

    NES/GB/GBC/GBA
    Excelente emuladores!
    [O do GBA eu testei pouco ainda, mas os jogos que testei funcionaram muito bem]

    Vídeo/Música/Ebook
    Bons aplicativos, sem muitas ferramentas, mas cumpre o básico.

    O que não gosto no Cybergame?
    As diagonais no joystick são uma tarefa difícil! [Mas tirando esse problema das diagonais o joystick responde bem]
    Os menus dos emuladores são simples em comparação aos do Dingoo. [Não é possível escolher vários savestates por jogo]

    Se recomendo o Cybergame?
    Recomendo o Cybergame sim!
    A emulação do NES, SNES, GB/GBC/GBA e do MEGA é ótima!

    Detalhes do meu Cybergame:
    Comprei na Kabum por R$ 90,00 [Na verdade comprei 3, um pra mim um pro meu irmão e um pra um colega da faculdade]
    Chegou dia 08/11/11

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 17/11/2011 at 4:48 pm
    Permalink

    O meu começou a resetar direto, do nada e olha que cuido muito bem dele!

    Ainda não verifiquei nada já que a parte eletrônica não é o meu forte mas a priori prefiro acreditar que o problema possa ser na fonte. Vou trocá-la assim que puder e experimentar de novo, espero que realmente seja isso.
    Vi um tópico (ou foi vídeo?) na net de um cara que teve um problema parecido com esse e que no caso dele foi só trocar uma peça na placa (resistor ou diodo, não sei ao certo) que tudo voltou ao normal, meu medo é que seja esse problema.

    Então acho que também podemos tratar aqui desse tipo de assunto, entre aqueles que tem o aparelho e que possam ter tido algum problema dele. Ele é bom mas não é perfeito, isso todos sabemos.

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 17/11/2011 at 4:51 pm
    Permalink

    @Eduardo
    Você comprou o Cybergame onde?
    Caso ainda esteja na garantia e tenha comprado no Kabum eles recebem de volta pra fazer a troca por outro…
    Eu amanhã “estarei enviando” meu Dingoo que tá com alguns problemas…
    [Falei igual aquelas atendentes chatas, kkkkkk]

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *