bann-starflight

Só me sobraram duas coordenadas a conferir: 135,84, onde a Interstel perdeu o contato com uma nave, e 145,100, onde uma nave foi destruída.

Starflight-massacreBom, entre desaparecer sem deixar vestígios e ser destruído eu prefiro desaparecer, e fui primeiro em 135,84. Logo que cheguei, entendi o motivo das naves terem sumido: um fluxo me transportou para os confins da galáxia (9,18). Os sensores indicaram a aproximação de outras naves. E não deu nem tempo de anotar a placa, elas acabaram comigo em segundos. Fiz um gif divertido aí do lado para vocês imaginarem a morte da tripulação com requintes de crueldade.

Achei melhor verificar as outras coordenadas… e lá chegando… olha, rolou tanta coisa que vai ficar para o post de amanhã quando teremos altas revelações! Não percam!

Diário de bordo espacial: Starflight, 20091028W
Tags:             

5 ideias sobre “Diário de bordo espacial: Starflight, 20091028W

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *