banner-psg1

Na semana passada eu disse que hoje visitaríamos a cidade de Parolit. Só que como eu não sou um velho de palavra, decidi visitar logo Scion, a cidade portuária onde mora o guerreiro Odin.

Neste remake, Scion está bem mais parecida com uma cidade portuária… as docas da cidade agora são bem desenhadas, enquanto no jogo original eram apenas uns prolongamentos cinza, como vocês podem ver nas fotos.

ps1_23012010_124311 psg1-20100123-124408

Antes / Depois: quase não dá para notar a diferença, hein?

Além disso, o script expandido cria uma atmosfera bem maior. O vendedor da loja de artigos de segunda mão, por exemplo, avisa que logo estará recebendo um novo lote de itens, vindos de navio.

Bom, no jogo original, o jogador ia ate Scion para comprar o PASSE. Era só entrar na loja de artigos usados e tentar comprar o item SECRETO por três vezes. Mas aqui as coisas são um pouco mais elaboradas…

Os habitantes da cidade mencionam o fato de Odin ter ido enfrentar a Medusa com um animal estranho, que trazia um pequeno frasco pendurado no pescoço; ainda segundo os moradores de Scion, talvez seja necessário achar o animal primeiro para achar Odin. Um dos habitantes, Joe, diz ter visto algo realmente impressionante, mas não diz o que é. Em uma casa na parte superior da cidade você encontra Feisu, a namorada de Joe. Ela diz a Alis que Joe capturou um animal que talvez seja aquele que acompanhava Odin, e pede a Alis que mande Joe voltar para casa. Quando Alis torna a falar com Joe, ele conta que capturou um gato falante e o vendeu para um comerciante no planeta Motávia.

psg1-20100123-121835 psg1-20100123-121809

Para a turma heróica que está jogando em japonês: primeiro fale com o Joe (foto à esquerda, mas deu um tilte por aqui e o Joe ficou invisível… oriente-se pelo nome do sujeito, escrito em azul), depois fale com Feisu (foto à direita). Por fim, volte a falar com Joe para saber o paradeiro do gato falante de Odin.

Isso define nosso objetivo: viajar até Paseo, capital de Motávia, para encontrar o gato falante de Odin. Mas para isso, vamos precisar de um PASSE que nos permita entrar no espaçoporto. No jogo original, era só entrar na loja de artigos usados e tentar comprar o item SECRETO três vezes, mas aqui não: o dono da loja diz que a loja dele é especial, mas nada do SECRETO aparecer na lista. Acho que vamos ter que passar pela cidade de Parolit antes, onde provavelmente alguém vai mencionar a loja do sujeito.

Deu para reparar que neste remake é muito mais importante falar com as pessoas do que no jogo original, onde o bate-papo na maioria das vezes só servia para dar substância à história. Aqui não, é preciso falar com o povo para que as coisas aconteçam.

ps1_24012010_095630 psg1-20100123-125041

Ah, o progresso… a loja de armas do remake deve aceitar até pagamento via Paypal…

Para encerrar por hoje, vamos à lista de itens e equipamentos vendidos em Scion:

Loja de Armas

アイアンソード Iron Sword Espada de Ferro 430
ニードルガン Needle Gun Pistola de Agulhas 390
レザーシールド Leather Shield Escudo de Couro 150

Loja de Artigos de Segunda Mão

ペロリーメイト Perolimate Monomate 50
ルオギニン Ruoginin Dimate 150
アンテイドート Antidote Antídoto 30
アンテイパラライズ Anti Paralyze Antiparalisia 40
サーチライト Flash Lanterna 80
トランカーペット Transfer Telepipe 120

Semana que vem vamos explicar como funciona o combate em Phantasy Star Generation:1 e visitar a cidade de Parolit. Até lá!

Diário de bordo Phantasy Star Generation:1, 25/01/2010

20 thoughts on “Diário de bordo Phantasy Star Generation:1, 25/01/2010

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *