Gooooooool… do Ultraman?

Vocês já devem ter reparado que eu NUNCA falei sobre jogos de futebol aqui no Gagá Games. Tirando algumas menções passageiras e obrigatórias durante a Cruzada Master System, eu nunca fiz um post sobre um título do gênero. E o motivo para isso é muito simples: eu sou um tremendo perna de pau, nunca fiz um gol na vida. E no videogame a coisa não melhora muito não: o Gagá com uma bola nos pés é um desastre ambulante!

Mas toda essa aversão ao esporte favorito de onze entre dez brasileiros acabou sendo abalada quando, há alguns anos, o jovem Gagá, molecote, de bermuda e camiseta do Green Day, entrou na locadora e deu de cara com a caixa de Battle Soccer — vulgo “futebol do Ultraman”, um título… inusitado do Super Famicom.

battlesoccer-005ultraman_timao

O timão, da esquerda para a direita: Ultraman Taro, Ultraman Great, Ultraseven, Ultraman Ace e mais quatro Ultramen. À direita, foto da equipe Ultra pouco antes do jogo. Dizem que havia um espião na concentração, mas analisamos a foto cuidadosamente e não encontramos ninguém suspeito. E vocês?

Como qualquer um de vocês, eu também vi Jaspion, Changeman, Jiraya, mas desses todos o que eu mais curtia era o Ultraman, que veio antes. Era o máximo ver aquele alienígena cinza, de olho grande e com um baita zíper nas costas enfrentando monstros gigantes em Tóquio. Foi amor à primeira vista, adorei aquele negócio instantaneamente.

Claro que não resisti e aluguei o jogo assim que o vi na locadora. Ok, vamos ser francos logo de cara: Battle Soccer é uma m*%@#. Há três botões diferentes para chutes, e não dá para entender direito qual deles é o passe. Aliás, passar a bola é a pior coisa que vocẽ pode fazer em Battle Soccer, porque não existe nenhum sistema que faça a bola ir para o jogador mais próximo ou coisa que o valha. Mesmo que você esteja voltado para a direção certa (o que certamente só vai acontecer na sorte, porque é totalmente inviável ler o mapa do campo  no alto da tela com a ação comendo), o mais provável é que a bola vá parar no pé do adversário. Fica um pega a bola aqui, perde ali, toma de volta, perde de novo, e logo logo você vai estar dizendo palavrões que nem sonhava que exitiam quando você sentava na frente da TV com um pacote de Zambinos para assistir ao Ultraman na TV POW!

Ultraman Taro, filho de Ultra Mother, salta para mais uma defesa milagrosa!ultraman_taro

Ultraman Taro, filho de Ultra Mother, salta para mais uma defesa sensacional!

Para completar, o jogo só saiu para o Super Famicom, o que significa que o cartucho tem texto em japonês! O pior é que o jogo tem alguma complexidade, já que ao fim de cada partida você ganha pontos de habilidades para distribuir entre seus jogadores, e às vezes até dá para trazer para o seu time um jogador do time adversário. Vai entender esse negócio todo em japonês para ver o que é bom para tosse…

Mas com todos esses problemas… sabem que eu curto esse joguinho?

battlesoccer-001ultraman_ace

Ô, juiz ladrão! Olha ali o Ultraman Ace caído na pequena área, é pênalti! Cacimba, quem tá apitando esse jogo? O Ace Killer?

Para mim, o principal atrativo é o Ultraman, meu ídolo de infância. Mas os times adversários são igualmente interessantes: time do Kamen Rider, time do Godzilla, time do Gundam… se você for fã de Tokusatsu, o lendário estilo live-action japonês, vai pirar.

Os times não são compostos por jogadores idênticos uns aos outros; o time do Ultraman, por exemplo, tem Ultraseven, Ultraman Ace… o do Kamen Rider tem aquele monte de Kamens diferentes, estão lembrados deles? É muito bacana esse negócio.

torcida_ultrama

A torcida canta, empolgada: “Não sou neném, não sou biscoito, sou Ultraman, sou de M78!”

O melhor de tudo é que cada jogador tem um movimento especial, muitas vezes imitando um golpe do personagem na “vida real”. Tudo bem que é quase impossível usar esses movimentos, já que você precisa segurar um botão por alguns momentos para carregá-los, e tem que ter muita sorte para não perder a bola para o adversário em menos de três segundos.
Vendo que a coisa estava mal-parada no primeiro jogo, a Banpresto resolveu caprichar um pouquinho mais no segundo. Battle Soccer II segue o mesmo esquema de futebol com ídolos do Tokusatsu, só que agora dá para jogar com times mistos. Os gráficos receberam um leve upgrade, e o problema dos passes foi parcialmente resolvido.

battlesoccer2-003battlesoccer2-004

Esse Ultraman Taro é um atacante muito exibicionista. Mas peraí, ele não era o goleiro no primeiro jogo?

Desta vez, quando você detém a posse da bola, uma setinha fica apontando para o jogador mais próximo. Aí você aperta o passe e a bola vai, meio que mais ou menos, na direção certa. Não é lá muito preciso, mas tá melhor do que antes.

Estão vendo a nova barrinha de PW ao lado do rosto de cada jogador nas fotos? Essa barrinha vai enchendo sozinha, bem rápido, e assim que enche esvazia de novo. Isso aí é para dosar a força do seu chute, uma ideia totalmente imbecil. Você pega a bola, consegue mal e porcamente se posicionar bem para chutar pro gol, e tem que esperar a barrinha ficar com a força certa… afe, ainda bem que a moda não pegou!

battlesoccer2-002ultraseven_batendo

Desta vez, jogando com os monstros, quem derrubou o Ultraseven fui eu. Felizmente o juiz era primo do Godzilla, e não marcou porque tinha uma velha rixa com o herói (foto à direita)

… e isso tudo importa para os fãs do Ultraman? NÃO! Eu me diverti um bocado com esse jogo também. Os controles podem ser uma droga, mas é muito engraçado ver o Kamen Rider dividir uma bola com um monstro.

Resumindo: se você não for fã desses heróis japoneses, passe longe. Mas se for, dê uma conferidinha. Aliás, existe até uma ROM traduzida do primeiro jogo correndo pela internet, e que talvez ajude.

battlesoccer2-005kamen_rider_v3_treinando

AAAAAAI! Ô Kamen Rider V3, é pra chutar a bola, e não a canela! Também, pudera, olhem só o técnico dos caras treinando a equipe pro jogo na foto da direita…

Vale observar também que este não é o único jogo a reunir essa japa-patota não… a Banpresto lançou outros jogos de outros estilos com eles, e dizem que alguns são até bons. Claro que isso me deixou curioso, então aguardem mais posts sobre os jogos dessa turma. Mas enquanto vocês esperam, que tal fazer uma visitinha ao Portal Ultraman para saber mais sobre os heróis do planeta M78?

About Orakio Rob, "O Gagá"

Dono do império corporativo Gagá Games, o velho Gagá adora falar sobre si mesmo em terceira pessoa. E sim, é ele mesmo que está escrevendo este texto.