Clique na imagem para comprar Fallout baratinho no GOG!

Bem-vindos à edição de hoje do “Diário visual de Fallout”. Vamos ver tudo o que aconteceu de mais interessante nas partidinhas que o Gagá deu de Fallout hoje.

Este post é parte de uma série, e você tem que acompanhar para não se perder na história. Se você pegou o bonde andando e está mais perdido do que cego em tiroteio, atenção para os links:

Leia o post introdutório para detalhes sobre a promoção na qual você pode ganhar inteiramente “di grátis” uma cópia de Fallout no GOG.com.

ATENÇÃO: as fotos abaixo são vitaminadas! Clique nelas para exibi-las no tamanho original e com o texto engraçadinho embaixo. Este post é diferentão e modernoso, e o texto real dele só aparece quando você clica nas fotos.

[slickr-flickr id=”41009968@N05″ type=”gallery” tag=”fallout, 20101209″ tagmode=”all” sort=”date” direction=”ascending” descriptions=”on” size=”original” thumbnail_size=”thumbnail” use_key=”y”]

Diário visual de Fallout: 09/12/2010
Tagged on:         

6 thoughts on “Diário visual de Fallout: 09/12/2010

  • 10/12/2010 at 12:16 am
    Permalink

    É isso aí, Gagá!

    Engraçado ver esse seu “diário visual”, principalmente pelo fato d’eu já conhecer a história desse jogo e de alguns dos posteriores (tenho esse, o Fallout 2 e tinha o 3, mas meu irmão o vendeu). Dá até vontade de palpitar às vezes, mas é claro que não estragarei a sua diversão!

    Espero que este jogo o esteja divertindo, para que posteriormente possa encarar as sequências (se você tiver tempo, paciência, e principalmente vontade de o fazer).

    Contarei-lhe uma curiosidade que talvez você já conheça, mas aí vai: os atributos da sua personagem influem muito no desenrolar da história. Lembro-me que uma vez meu irmão começou um jogo com um personagem com muita sorte (pontos, nesse caso). Isso fazia com que ele sempre se deparasse com eventos aleatórios no mapa, como encontrar armas que não se encontram no jogo normalmente (como exemplo eu posso citar a pistola alienígena, que acabou sendo incorporada nos jogos posteriores) ou cabanas abandonadas com centenas de tampinhas de garrafas. E eu me lembro de ter visto no YouTube, certa vez, um vídeo em que uma pessoa começou gastando praticamente todos os pontos em inteligência, se não me engano, e simplesmente venceu o jogo em poucos minutos, transpassando obstáculos somente na lábia e dando pouquíssimos golpes e tiros. Pena eu ter esquecido o link, se bem que ao vê-lo você acabaria por frustrar suas surpresas.
    Obviamente há uma linearidade nesse jogo, mas são esses pequenos detalhes paralelos que fazem você querer jogar de novo.

    É isso aí! Continue o bom trabalho!

    P.S.: Você deve estar com o carma lá embaixo, de tanto matar inocentes! O Vault Boy já deve estar com os cornos na testa! Hehe!

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 10/12/2010 at 8:43 am
    Permalink

    Tá divertido demais esse diário visual. Tô quase comprando Fallout no GOG pra jogar outra vez.
    Como o Eduardo disse, existem vários eventos aleatórios pelo mapa mesmo. No Fallout 1 eu não me lembro bem quais são. Me lembro mais dos que aparecem no Fallout 2, pois muitos fazem referências à filmes e personagens da cultura pop. Enfim, se não estou enganado, dá pra achar tais eventos se você ficar passeando pelo mapa. O problema é alguns demoram a aparecer. Claro, como o Eduardo disse, altos níveis de sorte ajudam bastante e se me lembro direito, a perícia Outdoorsman também ajuda (tem livro pra essa perícia).
    Bom, é isso…
    Parabéns pelo ótimo trabalho! E continue jogando pelo caminho do malandrão, porque eu nunca consegui ir muito longe jogando assim e quero saber como a coisa acaba jogando desse jeito. hehehehe
    Abração!

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 10/12/2010 at 8:58 am
    Permalink

    Jaotavio :
    E continue jogando pelo caminho do malandrão, porque eu nunca consegui ir muito longe jogando assim e quero saber como a coisa acaba jogando desse jeito. hehehehe

    … nossa, agora eu fiquei com medo. Tem alguma igreja aonde eu possa levar meu personagem para ele pedir perdão pelos pecados dele? :p

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

  • 10/12/2010 at 11:33 am
    Permalink

    Poxa, coitados dos ghouls, só porque foram radiados demais e definharam eles são zumbis malvados? Alguns ainda são bonzinhos pelo menos não lembro se é nesse ou no 2 que tem um que tem um galho nascendo na cabeça, tem inclusive nome.

    Eu consegui finalizar esse jogo finalmente ontem!! Mas só porque ele me forçou a isso, senão tinha feito todas as missões e estaria nível 99. Pena que ele é curto, e te força a correr contra o tempo. Uma dica Gagá: CORRA, mas não para as montanhas. Bom, também, onde tem montanha, pode ter um Vault, e ajudar na sua missão de ajudar o vault 13. Mas corra mesmo porque o tempo é curto e digamos… é meio frustrante.

      [Citar este comentário]  [Responder a este comentário]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *