ENQUETE ENCERRADA: Você é “ista”?

No mundo dos games, assim como na vida real, é normal cada pessoa ter suas preferências. A última enquete que promovi aqui no blog mostrou isso de uma maneira bem clara e simples, onde alguns preferiam o Mario, e já outros o Sonic. Mas também existem os mais radicais, aqueles que não apenas gostam de algo, que realmente amam e veneram algo com todas as suas forças! E mesmo em um universo tão variado e cheios de possibilidades como o dos games eletrônicos, ainda sim temos grupos de pessoas que são chamadas de “istas”.

Existem hoje centenas e mais centenas de “Nintendistas”, “Seguistas”, “Sonystas” e “Caixistas”, sempre travando “batalhas” em fóruns da internet, e colocando seus pontos de vista como a verdade absoluta. Algo de errado com isso? Eu mesmo não sendo um “ista”, não tenho problema nenhum quanto a existência de pessoas, digamos, mais “fanáticas” no mundo dos games. Mas então uma pulga coçou atrás da minha orelha: e em relação aos leitores do Gagá Games? Será que temos muitos “istas” no nosso quase sempre “eclético” público retrogamer? Então vou lançar mais uma infame enquete, curta e grossa (opa, não vão pensar em besteira): Você é “ista”?

UPDATE: enquete encerrada. Foram 119 participantes, e os resultados foram:

Você é “ista”?

* Não, apenas gosto de games. 72.3% (86 votos)

* Sim, sou Seguista! 13.4% (16 votos)

* Sim, sou Nintendista! 9.2% (11 votos)

* Sim, sou Sonysta! 4.2% (5 votos)

* Sim, sou Caixista! 0.8% (1 voto)

Agradeço a todos os que participaram. O resultado da enquete mostra que o público do Gagá Games é em sua maioria pessoas que apenas curtem os games mesmo, sem se importar com a marca e sim com a qualidade que eles possuem. E é legal notar também que apesar de termos alguns “istas” entre nós, tais pessoas não são extremistas radicais, os quais eu nem chamaria de “istas”, e sim pessoas que tem mais carinho por uma empresa específica, mas sem menosprezar as outras.

About André Breder

Um gamer que não tem preconceitos: curte tanto os games clássicos, quanto os novos, e nunca deu preferência para nenhum console ou empresa específica do mercado. Tanto que criou um blog sobre games de todas as épocas, chamado Blog do Breder.