Ainda me lembro do dia em que tropecei em DarkStone, um jogo que parecia ser apenas um clone genérico de Diablo. Logo que comecei a jogatina, corri a contar para o meu amigo Eric Fraga, do Cosmic Effect:

E-mail do Gagá promovendo a pirataria de jogos antigos: não tem preço

Gostei tanto do DarkStone que ele acabou me motivando a fazer a matéria sobre Diablo para a Old!Gamer pouco tempo depois. Aliás, fiz a matéria com o Eric, e também tenho o e-mail relevante aqui:

Assim nasce uma matéria de revista. Não fiquem tristes, fãs de Grim Fandango: por algum motivo eu estava achando o jogo um saco na época e a matéria provavelmente ia ficar uma meleca.

Acho que o Eric não vai se incomodar se eu postar a resposta dele aqui:

A resposta baianíssima do Eric daria início a uma matéria trabalhosa, mas muito gostosa de fazer

Blá blá blá miserável este post, hein? É que eu tenho tantos e-mails trocados com o Eric sobre games que daria fazer uns cem posts no Gagá Games. Resumindo: eu adoro o primeiro Diablo, e como curti muito o DarkStone, fiquei interessado em testar outros “clones”, o que acabou me levando a… bom, vocês vão ver no post de amanhã.

Para ser honesto, esse lero-lero aí em cima era para ser a introdução do tal post, mas ficou maior do que eu esperava, então achei melhor postar o papo com o Eric separado, para não deixar o post principal muito grande. Fica como curiosidade e serve para abrir o apetite de vocês. Amanhã eu volto!

Correio do Gagá: Uma prévia do post de amanhã

7 thoughts on “Correio do Gagá: Uma prévia do post de amanhã

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *